domingo, 17 de julho de 2011

Achados e Perdidos - Bibi



                  Quem diria, quem saberia, quem apostaria que ela iria embora? Talvez alguns apostariam, mas apostariam também que ela faz falta.
                 Bibiana, mais conhecida por nós como Bibi, é aquele tipo de pessoa que sempre está alegre, sorridende e com o copo meio cheio. Simpatia em pessoa.
               Contada por ela mesma a nós, o nome dela veio de inspiração de uma personagem de um livro que seu pai admirava (que não perguntei qual era, mas que deve ser "O Vento e o Tempo" segundo o Google).
                Era e é, apaixonada por animais de todos os tipos e tamanhos, sempre dando gritinhos e fazendo bico ao ver um cachorrinho, gato ou esquilo em nossos passeios. Uma verdadeira abusadora de bichinhos, dando carinho e sempre tentando arrancar informações do dono, como o nome e idade.
                Faz um bolo de chocolate na travessa de vidro que é tri-bom! Sim, ela é gaúcha nascida na cidade de Rolante no Rio Grande do Sul, e com muito orgulho!
                O Diego adorava pegar no pé dela e era tipo mãezona da casa, apesar de vir somente aos finais de semana. Demos muitas gargalhadas juntos e esperamos continuar a dar mesmo à distância.
               Querida por todos, ela deixa saudades. A casa está mais silenciosa (no melhor sentido *risos), e restaram poucos resquícios da presensa dela: um livro, uma agenda em branco e sua caixa de cereais favorito, intacto na mesma posição esperando ser pego pela mesma dona dos anéis dourados e devorá-lo com leite na tijela rosa de bolinhas brancas.
                Capaz que iremos te esquecer, guria! ... como diria ela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou do Post?
Gostou? Não gostou? Dá para melhorar?
Deixe seus comentários, dúvidas, críticas ou sugestões!